Como emagrecer dieta para emagrecer

Dieta mediterrânea: Cardápio, alimentos e receitas do mediterrâneo

Dieta mediterrânea: Cardápio, alimentos e receitas do mediterrâneo

Dieta mediterrânea confira cardápios, receitas e alimentos.

A dieta mediterrânea tem sido bem difundida no mundo por causar inúmeros benefícios ao cérebro e ao corpo de pessoas que sofrem com o sobrepeso.

Famosas como Penélope Cruz mantém seu corpo por adotar essa dieta equilibrada.

No Brasil, algumas famosas também têm testado e aprovado esse regime para manter a forma.

Saiba que qualquer pessoa pode aderir a esse programa de emagrecimento saudável.

Veja aqui tudo o que você precisa saber sobre a dieta mediterrânea.

Em um determinado momento, a mídia reúne várias dietas diferentes como sendo a melhor maneira para perder peso, sem mencionar as incontáveis dietas que caíram no esquecimento.

Mas não há nenhuma dieta tão sensata e mais saudável que a dieta mediterrânea.

Esse regime garante uma perda efetiva de peso em pouco tempo.

A dieta mediterrânea não é propriamente uma dieta no sentido de contar calorias (embora seja importante ficar atenta para isso).

Pelo contrário, é uma mudança na forma de se alimentar, com adoção de novos hábitos alimentares.

Vamos fazer um panorama com todas as informações que você precisa saber sobre a dieta mediterrânea para que você comece a adotar a fim de perder peso e mantê-lo sem se preocupar com o efeito sanfona.

O que é a dieta mediterrânea?

Ao contrário de ser uma dieta rígida, com privações, daquelas que se concentram quase exclusivamente em comer ou evitar certo tipo de alimentos (carboidratos ou proteínas, por exemplo), a dieta mediterrânica é mais uma mudança de estilo de vida.

Com ela é possível fazer uma reeducação alimentar de maneira eficiente para não voltar a engordar.

Na verdade, não é uma dieta específica para todas as pessoas que queiram adotá-la, a dieta mediterrânea pode ter bastante diferença nos hábitos alimentares para cada pessoa dependendo do seu metabolismo e diversos fatores.

Cada indivíduo reage de uma maneira diferente diante de um programa de emagrecimento.

Quais os alimentos que compõem a dieta mediterrânea?

Dieta do Mediterrâneo Alimentos

As principais características que podemos definir como dieta mediterrânea:

  • Comer grande quantidade de frutas e legumes, nozes, pães integrais e leguminosas (como lentilhas, feijão, ervilha e soja)
  • Usar azeite ou o óleo de canola em vez de manteiga
  • Comer peixe ou frango, pelo menos, duas vezes por semana
  • Cortar carne vermelha uma vez por semana
  • Eliminar doces açucarados.
  • Tomar ocasionalmente um copo de vinho (para aqueles que podem tomar)
  • Evitar gorduras trans e gorduras saturadas, que são muito ruins para o nosso coração.
  • Beber muita água, pelo menos dois litros por dia, além de outros líquidos como suco de frutas, chás e sopas.
  • Acrescentar nas refeições alimentos termogênicos, como gengibre, pimenta vermelha e canela em pó.

Benefícios da dieta mediterrânea

Doenças do coração, obesidade e diabetes tornaram-se um problema de saúde pública, devido aos altos índices de mortalidade resultante desses males.

A dieta mediterrânea pode ajudar as pessoas a mudarem seus perfis de saúde e também suas silhuetas, pois contribuem para afinar a cintura com a eliminação de gorduras acumuladas.

Para perder barriga esse regime é o ideal.

Conheça os melhores benefícios que essa dieta proporciona:

Receba dicas incríveis para ter um emagrecimento saudável. Pegue seu Ebook grátis

  • Oferece um cardápio rico em antioxidantes que protegem nossas células contra danos dos radicais livres.

Além disso, os ácidos gordos de nozes e certos óleos têm efeitos positivos sobre o nosso sistema cardiovascular;

  • Essa dieta misturada com um estilo de vida ativo resulta em um coração mais saudável, vida mais longa e menos ataques cardíacos, derrames e doença de Alzheimer.

A principal razão para isso é a presença reduzida do LDL, o “mau” colesterol como resultado da adoção da dieta mediterrânea;

  • Controla o colesterol, pressão arterial, triglicérideos, glicose;
  • Excelente para o bom funcionamento do cérebro;
  • As pessoas que adotam essa dieta mediterrânea sofrem menos com a doença mais comum no mundo: a depressão;
  • Combate o derrame;
  • Fornece proteção à pele e aumenta a imunidade do corpo.
  • Garante a redução de medidas em pouco tempo.

Existe desvantagem na dieta mediterrânea?

Comparadas a outras dietas que existe, a dieta mediterrânea agrega mais vantagens que desvantagens.

Mas como tudo em excesso provém prejuízos, o consumo exagerado de azeite de oliva, por exemplo, pode ser maléfico para a sua saúde.

É importante seguir corretamente as indicações para essa dieta não ter efeito contrário.

Por isso, a dieta mediterrânea pode ser saudável, mas ninguém pode comer toneladas de pão embebido em azeite e dessa forma esperar perder peso.

O azeite de oliva é apenas uma pequena parte de uma dieta saudável, por isso exclua o fast food ou tenha moderação.

Alimentos industrializados também devem ser cortados do cardápio, como: refrigerante, enlatados, congelados, condimentos, etc.

Além disso, o álcool não é uma boa opção para todos e ainda tem seus próprios riscos de saúde e preocupações.

O tabagismo também é um mal que deve ser combatido por pessoas obesas.

Embora possa trazer benefícios para aqueles com forte senso de restrição, que bebem mais do que um copo de vinho por dia, provavelmente não vai ser muito bom para sua saúde em longo prazo.

Então, a questão toda é fazer uma dieta equilibrada. Assim, você terá um excelente resultado por longos anos.

E é importante considerar a possibilidade de ir ao nutricionista para avaliar se essa dieta é ideal para você, pois cada pessoa reage e uma forma diferente.

Através do médico você poderá realizar exames para traçar seu perfil físico e assim o profissional indicará uma dieta adequada.

Dieta mediterrânea Receitas e Cardápio

Acompanhe 4 alternativas de cardápios para a dieta mediterrânea e escolha a que mais combine com o seu dia a dia.

Dieta mediterrânea receitas – Cardápio

1 – Café da manhã:

Legumes e creme de leite

Ingredientes:

1/2 xícara de creme de leite light

1/4 colher de chá de extrato de baunilha

10 tomates

1 xícara de vagem fresca.

Modo de preparo:

Misture tudo numa vasilha e saboreie.

2 – Café da manhã:

Grão de bico

Esta receita rende 2 porções. Amasse o grão de bico com um garfo.

Misture 2 colheres de chá de azeite, 1 dente de alho picado, 1 colher de sopa de suco 1 limão e 1/4 de colher de chá de sal.

Se desejar, adicione 1/4 colher de chá de cominho em pó. Amasse todos os ingredientes.

Complete com 1 xícara de brócolis e uma pitada de pimenta.

3 – Café da manhã:

bolacha

1/4 colher de sopa de extrato de baunilha

1/2 xícara de creme de leite light

3 bolachas integral

Modo de preparo:

Misture a baunilha com o creme de leite e coloque o creme por cima da bolacha integral.

4 – café da manhã:

Ingredientes:

1/2 de laranja

1/2 xícara de pedaços de abacaxi

2 xícaras de iogurte light

Modo de preparo:

misture tudo em um liquidificador e estará pronto para beber. Se preferir acrescente gelo.

1 – Almoço:

Iogurte com granola

Em uma jarra transparente coloque 1 litro de iogurte natural com maçã, morango e a granola. Misture tudo e estará pronto para beber.

2 – Almoço:

Espaguete

Um copo de suco de laranja com kiwi, salada de alface e tomate, couve e espaguete com amêndoas.

3 – Almoço:

Sanduíche

Monte um sanduiche em 2 fatias de pão integral, passe maionese light, coloque folhas de alface, queijo muçarela ralado, 3 fatias de peito de peru, cenoura ralada e tomate.

4 – Almoço:

Filé de salmão grelhado

Acrescente em seu prato um tomate, queijo muçarela, iogurte light e um filé de salmão grelhado.

1 – Jantar

Arroz integral, bife (carne magra), saladas (a gosto) e uma maçã.

2 – Jantar

Misture duas xícaras de iogurte light, um dente de alho picado, sal, pepino picado e pimenta. Espalhe este molho de iogurte em 2 pães integrais com vagem e 1 tomate picado.

3 – Jantar:

Sanduíche

Corte ao meio um baguete, polvilhe com queijo muçarela ralado e leve ao forno para assar em 250 graus por 4 a 6 minutos. Logo após esse tempo, polvilhe um pouco de orégano e manjericão secos, cobrindo com fatias de tomate.

4 – Jantar:

Sanduíche

Coloque em 2 pães integrais um pouco de atum com tomate, asse uma maçã coberta de mel e complete seu sanduíche.

Vale a pena para ter mais resultados definitivos conhecer as seguintes dietas:

Dieta mediterrânea – Exercícios físicos

Para emagrecer é fundamental aderir a uma dieta de emagrecimento que combine exercícios físicos com uma alimentação balanceada.

Para perder peso com saúde é preciso se dedicar a um cardápio nutricional que concentre nutrientes essenciais para o bom funcionamento do organismo.

A dieta mediterrânea é uma grande aliada de pessoas que precisam emagrecer, mas não sabem como.

Agora que você já sabe alguns alimentos, receitas e cardápios da dieta mediterrânea ou do mediterrâneo, compartilhe também…

Sobre o autor | Website

Empreendedor Digital e escritor de artigos relacionados a saúde e emagrecimento, como o Blog Emagrecer e Perder Peso. Você mais leve... você feliz.

Receba dicas incríveis para ter um emagrecimento saudável. Pegue seu Ebook grátis

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.