Como emagrecer Emagrecer e Perder Peso

O Que Comer Antes e Depois do Treino Para Emagrecer e Musculação

O Que Comer Antes e Depois do Treino Para Emagrecer e Musculação

O Que Comer Antes e Depois do Treino Para Emagrecer e Musculação

Hoje as pessoas estão mais estressadas do que nunca e têm muito pouco tempo livre. 

Portanto, é muito importante aproveitar ao máximo nossos exercícios físicos diários. 

Os alimentos que consumimos antes e depois do treino são fundamentais. 

Normalmente, há confusão com os alimentos que realmente ajudam a recuperar as energias e atingir nossos objetivos. 

Um estudo realizado por entusiastas da prática física revelou dados importantes.

Por exemplo, metade dos participantes acreditava que consumir carboidratos após um treino poderia levar a resultados piores. 

Além disso, um terço dos participantes não quer consumir calorias após um treino.

Se você pesquisar no Google por: “o que comer antes e depois dos treinos“, receberá milhões de resultados. 

Porém, é difícil encontrar um resumo simples e fácil para entender o que acontece no corpo quando treinamos e o que comer para manter-se bem nutrido.

Por isso nesse artigo vamos ajudar você a entender todas essas questões.

O Que Comer Antes e Depois do Treino

o que comer antes e depois do treino para emagrecer

Nutrição pode levar seu treinamento para o próximo nível

O corpo precisa de energia para funcionar e executar suas funções durante o treinamento. 

Quando você queima os três macronutrientes principais (carboidratos, gorduras e proteínas), o corpo ganha energia na forma de trifosfato de adenosina

Esta é a maior fonte de energia para o nosso corpo.

Se a energia não for necessária, ela é armazenada sob a forma de fosfocreatina, glicogênio e gordura. 

Dependendo do nível de intensidade e da velocidade do treinamento, você precisará aumentar os níveis de energia para extrair trifosfato de adenosina.

Alimentos antes de treinar

A comida é como combustível. Você precisará de um aperitivo antes de treinar para ajudá-lo a terminar seu exercício com energia.

Se você comer muito seu estômago avisará que é preciso aumentar a intensidade. Se você comer pouco sentirá fraqueza. 

Concentre-se numa alimentação simples e equilibrada para a uma hidratação adequada.

Comida para depois do treino

O que você come após o treinamento é tão importante quanto o que você come antes. 

Ignorar esta refeição ou lanche irá abrandar o processo de recuperação. 

As consequências podem variar, desde sentir rigidez ou dor muscular no dia seguinte, o que pode fazer você cancelar seu treinamento por se sentir exausto.

A proteína é muito importante após o treinamento. Você precisa dela para consertar os músculos após um treino intenso. 

Mas a quantidade não é sempre o que conta: o corpo tem um limite de armazenamento e não pode absorver mais do que o necessário. O excesso vira gordura.

O Que Comer Antes e Depois do Treino

o que comer antes e depois do treino para ganhar massa muscular

  • Batata doce
  • Ovos Mexidos
  • Banana
  • Carboidratos em geral
  • Proteínas

Receitas para comer antes do treino

Panquecas de proteínas 

Ingredientes para 2 panquecas

– 1 ovo

– 20 g de aveia fina

– 45 g de queijo cottage sem gordura

– uma pitada de canela

Modo de preparo: Bata todos os ingredientes no liquidificador até que formem uma mistura homogênea. 

Aqueça um pouco de óleo de coco numa panela e faça as panquecas até dourar. 

Você pode recheá-las com o que quiser, optamos por morangos. Uma porção de panquecas contém cerca de 340 calorias, 26 g de carboidratos, 27 g de proteína e 13 g de gordura.

Outras opções para comer antes do treino

– Amasse 1 banana com 2 colheres de aveia fina. Misture tudo e coma antes de sair para a academia.

– Faça um sanduíche com pão de forma integral e requeijão light.

– Faça no liquidificador um shake verde termogênico. Misture suco de maçã com uma banana e duas folhas de couve e mais duas colheres de sopa de aveia fina.

Acrescente raspas de gengibre se preferir.

Receitas para depois do treino

o que comer antes e depois do treino de musculação

Batata doce com ovos cozidos

Ingredientes:

– 1 batata-doce

– 2 ovos

– Sal e pimenta a gosto

Modo de preparo: Aqueça o forno a 200ºC. Coloque a batata doce em uma folha papel alumínio para o cozimento. 

Asse por cerca de 45 minutos até amolecer. Corte a batata doce pela metade. Coloque o ovo cuidadosamente sobre a batata e asse por 20 minutos.

Tempere com sal e pimenta a gosto.

Uma porção contém 400 calorias, 60 g de carboidratos, 20 g de proteína e 10 g de gordura.

Salada de macarrão cremoso com abacate

Ingredientes:

– 230 g de massa integral

– 200 g de tomates cereja

– 1 cebola

– 1 abacate

– 200 g de queijo com baixo teor de gordura

– 2 colheres de sopa de coentro

– 1 abacate

– ½ suco de limão

– 1 alho moído

– Sal e pimenta a gosto

Modo de preparo: Cozinhe o macarrão de forma habitual. 

Para o tempero, bata o abacate com soro de leite coalhado, suco de limão e as especiarias até ganharem consistência. Misture o macarrão com os ingredientes restantes.

Deixe a salada esfriar por pelo menos uma hora antes de servir.

Como Queimar Gordura e Perder Peso

Uma porção contém 420 calorias, 52 g de carboidratos, 25 g de proteína e 17 g de gordura.

Salada de quinoa

Ingredientes:

– 180 g de quinoa

– 2 laranjas picadas

– 1 pimenta vermelha picada

– 200 g de feijão carioquinha cozido

– 100 g de milho

– 1 cebola vermelha picada

– 1 colher de sopa de coentro

– Sal e pimenta a gosto

– 40 ml de azeite

– 50 ml de vinagre de maçã

– 50 ml de suco de laranja

Modo de preparo: Cozinhe uma parte da quinoa por cerca de 20 minutos e deixe esfriar. Misture as laranjas, a pimenta, o feijão, o milho, a cebola e o coentro.

Acrescente os ingredientes do molho e despeje-os sobre a quinoa. Misture tudo bem antes de servir.

Uma porção contém 260 kcal, 52 g de carboidratos, 8 g de proteína e 9 g de gordura.

O Que Comer Antes e Depois do Treino

o que comer antes e depois do treino para hipertrofia

Conheça seu corpo para se alimentar da forma correta

Se você treina de 4 a 5 vezes por semana, o que você come antes e depois desses treinos é tão importante quanto as refeições que você faz quando não treina. 

Se você fizer isso direito, irá alcançar seus objetivos com mais facilidade.

Comer tem um forte efeito no estado hormonal, sendo que os alimentos certos podem ajudar a equilibrar seus hormônios, ou seja, seu estado hormonal determina como seu corpo processa os alimentos. 

O treinamento físico causa mudanças importantes em seu corpo.

Almoçar sentado em frente à televisão terá um efeito muito diferente em seu corpo do que se estivesse almoçado e saído para a academia.

A estratégia ideal para manter um cardápio adequado para comer antes e depois do treino depende do ponto de partida e dos objetivos de cada um, seja perder gordura ou ganhar músculos. 

Existem também diferenças de acordo com o tipo de atividade e duração. Algo como treinamento de força, sessão de jump, corrida, crossfit, etc. 

Por exemplo, fazer uma caminhada moderada não exige uma refeição pós-treino. 

Se você corre em maratonas ou pratica outros esportes, também há diferenças na alimentação.

Mas, apesar de tudo isso, existem certos princípios básicos que você deve entender e que podem funcionar bem na maioria dos casos. 

Saiba quais são os efeitos imediatos que o exercício causa em nosso corpo.

– Gasto de combustível (glicogênio e gordura).

– Catabolismo Muscular ou destruição de proteínas.

Portanto, os objetivos da alimentação pós-treino devem ser:

– Recuperar as reservas de glicogênio, minimizando a recuperação de gorduras queimadas.

– Parar de destruir proteínas e criar novas.

Uso e recarga de glicogênio

O glicogênio é simplesmente armazenado em glicose, com a dupla função de fornecer energia extra quando realizamos atividades físicas intensas.

Além disso, ajuda a manter um fluxo contínuo de energia para as células que são incapazes de metabolizar gordura em nosso corpo.

As reservas de glicogênio estão concentradas no fígado e nos músculos, com uma diferença importante: o fígado compartilha suas reservas. 

Os músculos não. Só eles podem usar suas reservas, e elas não retornam à corrente sanguínea. 

Além disso, enquanto o fígado mantém cerca de 1/4 das reservas totais, os músculos permanecem com o restante.

Isso significa que após 8 a 12 horas de jejum, suas reservas no fígado estarão baixas, mas seus músculos manterão energia suficiente para superar facilmente um treino.

Os benefícios do treinamento em jejum são múltiplos. Concentrando-se no mais importante:

Aumentar a queima de gordura e sensibilidade à insulina, mais do que se você treinar pouco depois de comer.

Gerar adaptações positivas. Seu corpo monitora constantemente a energia que deixou. Se acabar, você morre. 

É por isso que ele promove adaptações quando sente que tende a ficar sem energia. 

O treinamento com reservas de glicogênio de baixo teor hepático faz com que seu corpo use eficientemente glicogênio, desenvolva novas células e aumente a capacidade de armazenamento. 

Para alguns, a opção mais fácil é treinar cedo, antes do café da manhã. Outros preferem treinar à tarde. Não existe uma regra universal.

O Que Comer Antes e Depois do Treino

o que comer antes e depois do treino de musculação

Aumente o desenvolvimento muscular e a queima de gordura

A destruição da proteína aumenta significativamente com o treinamento, e deve ser neutralizada com uma ingestão adequada de novos aminoácidos contidos na alimentação para a regeneração muscular.

Há evidências suficientes de que a presença de aminoácidos e insulina pós-treino favorece a síntese do músculo e evita sua destruição, o que é importante para quem costuma treinar de estômago vazio.

Saiba que o corpo continua a sintetizar proteínas cerca de 24 a 48h após o treinamento.

Veja também, o que comer antes e depois da academia.

Beba muita água

Para manter um corpo atlético é importante comer de forma saudável. Certamente você já sabe disso. Mas há uma parte da dieta que muitas vezes não recebe atenção suficiente: a água! 

A chamada “essência da vida”. 

Nosso corpo é composto de quase 70% de água. Esse líquido é essencial para a tonificação dos músculos, cartilagens e discos intervertebrais. 

A água serve como um meio de transporte de nutrientes, bem como regular a temperatura do corpo e manter os diferentes sistemas do nosso organismo em equilíbrio. 

Toda reação química dentro do corpo, incluindo a produção e uso de energia precisa de água para ser realizada. 

Somente quando o corpo tem água suficiente o corpo pode desenvolver todo o seu potencial no treinamento.

Sem a água, o cérebro, os pulmões, os rins, os nervos e os músculos não podem funcionar corretamente.

Por isso é fundamental beber em torno de dois litros de água por dia.

Em seu treino físico procure levar uma garrafinha de água para manter uma boa hidratação.

E nunca esqueça que antes e depois do treino é necessário comer ou tomar algum suplemento para suprir as necessidades do corpo durante esta atividade física.

Neste artigo contém produtos de qualidade que contribuirão para essa finalidade. Mexa-se!!!

Summary
Review Date
Reviewed Item
O Que Comer Antes e Depois do Treino
Author Rating
51star1star1star1star1star
CHEGOU a minha vez de emagrecer com saúde

Sobre o autor | Website

Empreendedor Digital e escritor de artigos relacionados a saúde e emagrecimento, como o Blog Emagrecer e Perder Peso. Você mais leve... você feliz.

Receba dicas incríveis para ter um emagrecimento saudável. Pegue seu Ebook grátis

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.